quarta-feira, 21 de julho de 2021

Arrecadação das receitas federais em junho foi de R$ 137,1 bilhões

A arrecadação total das receitas federais atingiu em junho de 2021, o valor de R$ 137,1 bilhões, registrando acréscimo real pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de 46,77% em relação a junho de 2020.

No período acumulado de janeiro a junho de 2021, a arrecadação alcançou o valor R$ 881,9 bilhões, representando um acréscimo pelo IPCA de 24,49%.

O resultado indica o melhor desempenho arrecadatório desde 2000, tanto para o mês de junho quanto para o semestre.


Parceiro anunciante


Detran-RN disponibiliza serviços de habilitação que podem ser solicitados remotamente

O Detran-RN a partir desta quarta-feira disponibilizou serviços que vão facilitar a vida dos usuários e centros de formação de condutores.

Agora, a prorrogação de prazo de processo no Registro Nacional de Carteira de Habilitação (Renach), alteração de endereço, correção de dados no processo de CNH, e outros que envolvam processo de carteira de habilitação poderão ser solicitados pelo whatsapp 3232-8030/3232-8039 ou pelo e-mail renach@detran.rn.gov.br

Servidores do órgão vão atuar recebendo essas demandas via canais de whatsapp e e-mail e dando sequência no andamento da solicitação.


Parceiro anunciante


Prefeitura anuncia ampliação da faixa etária para vacinação contra Covid

A prefeitura de Natal vai retomar a vacinação de primeira dose das vacinas contra a Covid-19 nesta quinta-feira, 22. A secretaria municipal de Saúde recebeu hoje um novo lote de vacinas e vai ampliar o público a ser vacinado.

Nesta quinta serão atendidas pessoas com 34 anos e profissionais da indústria com 26 anos e mais.

Já na sexta-feira, 23, será a vez das pessoas com 33 anos e profissionais da indústria a partir de 25 anos.

Também será retomada a vacina dos demais públicos e categorias prioritárias.


Parceiro anunciante


Eleição da mesa diretora do legislativo assuense para o biênio 2023/2024 poderá acontecer na próxima segunda-feira


Apresentado na sessão desta terça-feira, 20, na Câmara Municipal do Assú, requerimento à mesa diretora para a realização de uma sessão especial para eleição da mesa diretora/biênio 2023-2024.

A solicitação é para que a eleição aconteça às 20h da próxima segunda-feira, 26 de julho.

O requerimento assinado pela vereadora Maria Elisangela Albano solicita a ampla publicidade do pleito.

Na sessão desta quinta-feira, 22, haverá a deliberação sobre o pedido. Para que aconteça a aprovação do requerimento basta a maioria simples: 8 x 7.

Caso realmente a eleição seja marcada para segunda-feira, as chapas poderão ser registradas até meia hora antes da sessão especial, ou seja, até às 19h30.


Parceiro anunciante


Projeto de lei que suspende prazos de concursos foi aprovado na ALRN

Aprovado nesta quarta-feira, 21, na Assembleia Legislativa do RN, projeto de lei que suspende todos os prazos relativos aos concursos públicos realizados no Rio Grande do Norte.

À proposta original, de autoria da deputada estadual Isolda Dantas (PT), foi encartada emenda, de autoria do deputado Ubaldo Fernandes (PL), considerando retroatividade para os concursos públicos a partir de 19 de março de 2020, data do decreto de calamidade pública pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Parceiro anunciante

Isolda Dantas destaca que “essa matéria é fruto de esforço e entendimento político de vários deputados e repara uma injustiça garantindo que os concursados não sejam mais punidos pela pandemia. Muitos lidam com perdas e ainda com o luto coletivo que estamos na sociedade. Essa matéria garante, para essas pessoas, a esperança de ser chamado por um concurso”.

Pelo projeto, até o término da vigência do estado de calamidade pública decorrente da Covid-19 ficam proibidos: admitir ou contratar pessoal, a qualquer título, ressalvadas as reposições de cargos de chefia, de direção e de assessoramento que não acarretem aumento de despesa, as reposições decorrentes de vacâncias de cargos efetivos ou vitalícios, as contratações temporárias e as contratações de alunos de órgãos de formação de militares; e realizar concurso público, exceto para as reposições de vacâncias.

A regra não se aplica nos casos de determinação judicial, Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) ou Termo de Ajustamento de Gestão (TAG).

Para Ubaldo Fernandes, o projeto “vai dar respaldo jurídico para que os concursados não sejam prejudicados”.