sexta-feira, 26 de novembro de 2021

Plano de Carreira e Cargos do Idiarn estimula servidores a atuarem nas unidades do interior mais distantes da capital

No Plano de Carreiras, Cargos e Remuneração do Idiarn (Instituto de Defesa e Inspeção Agropecuária do Rio Grande do Norte) tem um item que estimula os servidores a desenvolverem suas atividades nas unidades localizadas no interior do estado.

Parceiro anunciante
A Gratificação Especial de Localidade será concedida ao servidor que desempenhar as atividades no interior do RN. Quanto mais distante de Natal, maior a gratificação.

O fiscal estadual agropecuário lotado nos municípios de Parnamirim, Nova Cruz, São Paulo do Potengi e João Câmara receberá uma gratificação de R$ 350,00. Nos municípios de Santa Cruz, Currais Novos e Lajes o valor da gratificação é de R$ 700,00. Já em Assú, Mossoró, Caicó, Pau dos Ferros e Umarizal o valor é de R$ 1.050,00.

O agente fiscal estadual agropecuário lotado nos municípios de Parnamirim, Nova Cruz, São Paulo do Potengi e João Câmara receberá uma gratificação de R$ 175,00. Nos municípios de Santa Cruz, Currais Novos e Lajes o valor da gratificação é de R$ 350,00. Já em Assú, Mossoró, Caicó, Pau dos Ferros e Umarizal o valor é de R$ 525,00.

Caso o servidor seja transferido, a gratificação será adequada conforme o novo local de trabalho. Exemplo: se o fiscal agropecuário for transferido de Assú para Natal vai perder uma gratificação de R$ 1.050,00. Caso a transferência seja de Mossoró para Parnamirim, a gratificação passa de R$ 1.050,00 para R$ 350,00.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários postados representam a opinião do leitor e não necessariamente do RSJ. Toda responsabilidade do comentário é do autor do mesmo. Sugerimos colocar nome no comentário para que o mesmo seja liberado. Ofensas não serão permitidas.