sábado, 4 de setembro de 2021

Zé Trovão não se entregará até o dia 7 de setembro, diz advogado

Parceiro anunciante
A Polícia Federal busca pelo paradeiro do caminhoneiro Marcos Antônio Pereira Gomes, conhecido como Zé Trovão, para cumprimento da prisão solicitada pela Procuradoria-Geral da República e determinada pelo ministro do STF, Alexandre de Moraes.

Zé Trovão é acusado de promover a incitação de atos violentos contra o Congresso Nacional e STF, por meio das redes sociais. Ele teria descumprido ordens cautelares determinadas anteriormente por Alexandre de Moraes.

O advogado de Zé Trovão, Levi de Andrade, disse que seu cliente não deve se entregar à Polícia Federal, pelo menos até o dia 7 de setembro.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários postados representam a opinião do leitor e não necessariamente do RSJ. Toda responsabilidade do comentário é do autor do mesmo. Colocar nome no comentário para que o mesmo seja liberado. Ofensas não serão permitidas.