sexta-feira, 23 de julho de 2021

Luís Rocha: um ano de falecimento

Reprodução
Era um final de tarde de uma quinta-feira, 23 de julho, quando recebi a notícia do falecimento de ‘seu’ Luís Rocha Filho, vítima de um infarto. Ele morreu em casa, no bairro Quinta do Farol, em Assú. Hoje está completando um ano.

Mesmo morando próximo, no mesmo bairro, o coronavírus não permitiu que eu fosse ao velório e sepultamento para dar o último adeus a ‘seu’ Luís. Estava em completo distanciamento social.

Nas minhas atividades profissionais como engenheiro agrônomo desfrutei de oportunidades de conversar com Luís Rocha, que trabalhou por muito tempo com o ex-deputado estadual e ex-prefeito de Assú, Edgard Borges Montenegro.

Sempre gostei das ocasiões em que conversava com ‘seu’ Luís. Ele irradiava tranquilidade. Aquele olhar calmo ainda permanece em minha memória.


Parceiro anunciante


Um comentário:

  1. Obrigado pelas palavras, meu pai simbolo de humildade, honestidade, caráter e respeito

    ResponderExcluir

Os comentários postados representam a opinião do leitor e não necessariamente do RSJ. Toda responsabilidade do comentário é do autor do mesmo. Colocar nome no comentário para que o mesmo seja liberado. Ofensas não serão permitidas.