sábado, 10 de abril de 2021

Manifesto denuncia Governo do RN pela exclusão de associações nas negociações de renovação do contrato com o Banco Mundial e relata pressões e ameaças praticadas pelo secretário Fernando Mineiro

O RSJ abre espaço para associações comunitárias e cooperativas ligadas a agricultura familiar do Rio Grande do Norte e publica manifesto:

MANIFESTO À SOCIEDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE

Nós, que integramos um conjunto de associações comunitárias e, cooperativas ligadas a agricultura familiar do estado do Rio Grande do Norte, que estamos executando subprojetos do Governo Cidadão, projeto de desenvolvimento financiado com recursos do Banco Mundial, cujos subprojetos são de amplo interesses das comunidades rurais e da agricultura familiar vimos através do presente denunciar a toda sociedade Potiguar que de forma discriminatória e desrespeitosa o governo do Estado do Rio Grande do Norte nos excluiu das negociações de renovação do contrato com o banco mundial cujo prazo de negociação para a vigência final foi estendido até o 31 de dezembro de 2022, onde foram contemplados somente os projetos com execução direta pelo governo do Estado através do Projeto de Desenvolvimento Sustentável do RN – Governo Cidadão. Antes de tudo enfatizamos que, permanentemente somos pressionados e, praticamente ameaçados pelo Secretário de Estado o Sr. Fernando Mineiro que se utiliza dos diversos mecanismos administrativos no sentido de nos obrigar a prestar contas e devolver os recursos financeiros a disposição das entidades provocando, dessa forma, a interrupção dos trabalhos de implantação dos subprojetos, ao mesmo tempo em que isso simboliza uma verdadeira “foiçada pelas costas” dizimando os sonhos de centenas de agricultores e agriculturas familiares em diversos territórios do RN. A inanidade provocada pela ação do Sr. Fernando Mineiro estão se transformando em pesadelos, levando em consideração que muitas das obras e se tornarão pequenos elefantes brancos, obras inacabadas e abandonadas graças a pirraça e perseguição pelo secretário estadual de Projetos Especiais. Faz-se importante acrescentar que, todos esses projetos foram pensados e elaborados na perspectiva de inclusão social e econômica para melhorar a qualidade de vida das famílias que habitam os espaços rurais do estado do Rio Grande do Norte. Porém, no pior momento da pandemia, do desemprego e da escalada da fome, vivenciamos com tristeza e revolta a nossa exclusão da prorrogação de prazo feita pelo governo do Estado junto ao banco mundial e o que é pior, associado a pressões e negação de oportunidades.

É uma situação trágica que vem provocando nas comunidades e nos agricultores e agriculturas crises emocionais e profundas incertezas, pois, todas as tentativas de diálogo com o governo do Estado, através do secretário Fernando Mineiro só encontramos confronto, desrespeito e truculência. Não queremos confronto, não queremos guerra, queremos concluir nossos projetos em diálogo aberto e transparente junto ao Governo do Estado do Rio Grande do Norte, porém, não aguentamos mais tanta pressão e desrespeito, diante de tamanha crise social, econômica e da pandemia que nos fragiliza e provoca tantas perdas e dores! Por fim, fazemos um apelo à assembleia legislativa do RN, a procuradora geral do estado, ao ministério públicos estadual , as forças sociais e políticas do RN, e em especial, a professora e governadora Fátima Bezerra para nos ouvir e coletivamente encontrarmos uma solução plausível para a conclusão de todos os subprojetos impactados pela ação truculenta do secretário Fernando Mineiro, sem que seja necessária a adoção de atitudes ameaçadoras que tem gerado sofrimentos às comunidades rurais beneficiárias desses subprojetos!

Pela defesa do associativismo e da agricultura familiar, aguardamos confiantes, que teremos do governo de origem popular da professora Fátima Bezerra, a melhor, a mais justa e democrática solução!

Neste dia 08 de Abril do ano 2021 do tempo cristão ocidental

Em nome de todas as comunidades do Estado do Rio Grande Norte, neste dia 08 de Abril de 2021 do Tempo Cristão Ocidental, subscrevem abaixo as seguintes entidades:

__________________________________________________________________________________
Parceiro anunciante


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários postados representam a opinião do leitor e não necessariamente do RSJ. Toda responsabilidade do comentário é do autor do mesmo. Colocar nome no comentário para que o mesmo seja liberado. Ofensas não serão permitidas.